Seja bem-vindo ao nosso espaço de depoimentos, onde as experiências ganham voz e as histórias ganham vida. Aqui, reunimos palavras sinceras e inspiradoras compartilhadas por aqueles que atravessaram nossos caminhos, deixando marcas indeléveis e memórias inesquecíveis. Explore as narrativas autênticas que revelam o impacto e a transformação que nosso trabalho e nossa jornada proporcionam. A cada testemunho, uma nova página escrita, um novo capítulo de conexão e gratidão.

DEPOIMENTO DE SCOTT FARRENKOPF EM VISITA À ASSOCIAÇÃO JAGUARIUNENSE DE JOVENS APRENDIZES – AJJA, LOCALIZADA NA CIDADE DE JAGUARIÚNA – SÃO PAULO, EM 10 DE JUNHO DE 2015

While in Sao Paulo, Brazil attending the 2015 RI Convention, I also took the opportunity to visit the 2012-13 Matching Grant Project our club did with the Rotary Club of Jaguariuna in Brazil. As a refresher, this MG was to support a computer lab for high school age youth who would normally never have an opportunity to purchase and gain experience with computers. Our two clubs worked with the NPO AJJA (Association of Jaguariuna for Joven Apprentices) who owns and operates the school as well as its building. The RC of Jaguariuna’s Foundation supports this NPO. Our computers went to the lab in this school.

What the AJJA does is to take needy children from the public schools in a competitive way and give them a cooperative education. They are instructed at AJJA and also work in local businesses after school and these businesses fund most of the operations of the school. The businesses pay the students and the school which supports the teachers who are excellent. This allows the students to gets hands on experience with their studies at the high school level. The students are evaluated by the business also. They took me through the details of the curriculum and it was amazing! What is even better is that it allows these students, who are from poorer families, to also earn money! Realize that Brazil schools only go from 7AM to noon so working after lunch until 5PM at the sponsoring businesses is easy to support.

AJJA not only teaches the traditional subjects electronically now by computer, where they must pass a test daily, but they also teach career basics. Our computers are an integral part since all books are electronic.

Each youth is supplied a uniform which they must wear. Attendance is strict and if it falls too low then they go back to the public schools and another youth is given the opportunity. Many of these youth are also Interact members and paying it forward based upon what they have received!

Teachers are also some of the best in the area since they are paid better than through the public schools. The teachers are also electronically assessed by the grades the students achieve as well as subjectively by the students.

Gisele and I attended the RC of Jaguariuna’s meeting at 7:30PM on June 9th and learned about the AJJA school. Some pictures are attached. Since their meeting location is AJJA, I saw the building and lab.

I wanted to learn more though so I went to the AJJA school at 9AM on June 10th before I left for the airport to see it in action and I had a chance to speak to the students and a teacher who were in session. They were really working hard, focused, respectful, dressed well, engaged, and extremely appreciative! We even had a Q&A session after I talked to them in Portuguese. One youth tried speaking some English with me. The top student in the class gave a very professional “thank you” in Portuguese speech to us and how much the support meant. It was a true Rotary moment for me! Some pictures are also attached.

Finally, the Rotarians learned about our Boys & Girls Club support from me and how we are focused on elementary and middle school youth rather than high school youth and that we are not linking it in with local businesses and working. They liked this and thought they needed something as well for the younger children.

Rest assured that this money was well spent and I appreciated the club’s support during my year as President to make it happened! Obrigado!

 

 

 

 

Enquanto estava em São Paulo, Brasil, participando da Convenção do RI de 2015, também aproveitei a oportunidade para visitar o Projeto de Subsídio Equivalente 2012-13 que nosso clube fez com o Rotary Club de Jaguariúna no Brasil. Para relembrar, este MG deveria apoiar um laboratório de informática para jovens em idade escolar que normalmente nunca teriam a oportunidade de comprar e ganhar experiência com computadores. Nossos dois clubes trabalharam com a NPO AJJA (Associação de Jovens Aprendizes de Jaguariúna), que possui e administra a escola, bem como seu prédio. O RC da Fundação Jaguariúna apoia esta OSFL. Nossos computadores foram para o laboratório desta escola.

O que a AJJA faz é retirar as crianças carentes das escolas públicas de forma competitiva e dar-lhes uma educação cooperativa. Eles são instruídos na AJJA e trabalham em empresas locais depois das aulas e essas empresas financiam a maior parte das operações da escola. As empresas pagam os alunos e a escola que apoia os professores excelentes. Isso permite que os alunos obtenham experiência prática em seus estudos no ensino médio. Os alunos também são avaliados pela empresa. Eles me explicaram os detalhes do currículo e foi incrível! O que é melhor ainda é que permite que esses alunos, que são de famílias mais pobres, também ganhem dinheiro! Perceba que as escolas no Brasil só funcionam das 7h ao meio-dia, então é fácil apoiar trabalhar depois do almoço até as 17h nas empresas patrocinadoras.

A AJJA não só ensina as disciplinas tradicionais eletronicamente, agora por computador, onde devem passar por um teste diariamente, mas também ensina noções básicas de carreira. Nossos computadores são parte integrante, pois todos os livros são eletrônicos.

Cada jovem recebe um uniforme que deve usar. A frequência é rigorosa e se cair muito, eles voltam para as escolas públicas e outro jovem tem a oportunidade. Muitos desses jovens também são membros do Interact e pagam com base no que receberam!

Os professores também são alguns dos melhores da região, uma vez que são melhor pagos do que nas escolas públicas. Os professores também são avaliados eletronicamente pelas notas obtidas pelos alunos, bem como subjetivamente pelos alunos.

Gisele e eu participamos do encontro do RC de Jaguariúna às 19h30 do dia 9 de junho e conhecemos a escola AJJA. Algumas fotos estão anexadas. Como o local da reunião é AJJA, vi o prédio e o laboratório.

Eu queria aprender mais, então fui para a escola AJJA às 9h do dia 10 de junho, antes de partir para o aeroporto para vê-la em ação e tive a oportunidade de falar com os alunos e um professor que estavam em sessão. Eles estavam realmente trabalhando duro, focados, respeitosos, bem-vestidos, engajados e extremamente agradecidos! Tivemos até uma sessão de perguntas e respostas depois que conversei com eles em português. Um jovem tentou falar um pouco de inglês comigo. O melhor aluno da turma nos deu um “obrigado” muito profissional em português e disse o quanto o apoio significou. Foi um verdadeiro momento rotário para mim! Algumas fotos também estão anexadas.

Finalmente, os rotarianos aprenderam comigo sobre o apoio do Boys & Girls Club e como estamos focados nos jovens do ensino fundamental e médio, em vez dos jovens do ensino médio, e que não estamos vinculando isso às empresas locais e ao trabalho. Eles gostaram disso e pensaram que também precisavam de algo para as crianças mais novas.

Tenha certeza de que esse dinheiro foi bem gasto e apreciei o apoio do clube durante meu ano como presidente para que isso acontecesse! Obrigado!

Jls-10jun2015

DEPOIMENTO DE KELLY VASCONSELOS - RECURSOS HUMANOS GIOBERT DO BRASIL EM 24 DE JULHO DE 2023

Escolhemos o AJJA para a contratação de jovens aprendizes devido ao excelente atendimento que eles nos proporcionam. Além de ser uma instituição sem fins lucrativos, o AJJA contribui significativamente para o ingresso de jovens da cidade no mercado de trabalho.

Desde que estabelecemos a parceria com o AJJA, temos tido a oportunidade de trabalhar com jovens talentos que se desenvolvem profissionalmente de maneira notável.

Estamos extremamente satisfeitos com essa colaboração entre a Giobert e o AJJA.

DEPOIMENTO DE RITA DE CÁSSIA APARECIDA RIBEIRO LEMOS CORREIA EM 09 DE FEVEREIRO DE 2024
Gostaria de deixar os meus sinceros agradecimentos a toda equipe AJJA e ao Sr. Luciano pela honrosa oportunidade de fazer parte dessa instituição durante esse período. 
 
Como cristã, gostaria de agradecer a vocês que foram um instrumento de Deus em minha vida para me conceder essa oportunidade e eu ter maiores possibilidades de realizar o sonho do meu casamento. 
 
Costumo dizer que sempre serei aprendiz, pois a cada porta que se abre, são novos aprendizados e desafios para enfrentarmos. E dessa vez, não foi diferente eu pude aprender com os meus erros e superar desafios. Agradeço por todos os feedbacks que recebi durante essa jornada, eles fizeram toda diferença para moldar a profissional que sou hoje e a que me tornarei dia após dia. 
 
O espírito voluntário se fortaleceu ainda mais em minha vida, tendo grandes inspirações como nossa liderança. Principalmente nosso presidente Sr. Luciano por toda dedicação com o propósito da AJJA e sabedoria. 
 
Podem contar comigo sempre que precisarem, eu tendo disponibilidade, estarei à disposição para atividades que ocorrerem aos finais de semana como algumas oficinas e atividades extracurriculares, além disso, os designs que precisarem para a instituição, pretendo me aperfeiçoar nessa área e contribuir positivamente.
 
Mais uma vez, obrigada por tudo! Desejo todo sucesso do mundo a vocês. E pode deixar que continuarei fazendo o marketing da instituição recomendando em todas as empresas que eu passar em minha vida, pois se ela faz toda diferença na construção da minha carreira, com certeza fará a diferença na vida de outras pessoas. 
DEPOIMENTO DE THAYLANE AGUIAR DAL´BÓ EM 28 DE JUNHO DE 2024
Que demais!!!
Fui da primeira turma do AJJA, se não me engano também fui a primeira da turma a conseguir um emprego. Não me lembro bem, mas acho que na época foi por conta das notas, tirei nota máxima das turmas de manhã e tarde… entrei com 16 anos para trabalhar na Unimed Campinas unidade Jaguariúna, fiquei 2 anos pelo AJJA e depois fui efetivada! Meu primeiro emprego, aprendi lições valiosas que aplico até hoje em minha vida.
Amava as aulas de empreendedorismo e de Meio ambiente 🤩
DEPOIMENTO DE CAROLINE ARIANE BERNARDES EM 08 DE JULHO DE 2024

Prezados colegas,

Gostaria de expressar minha profunda gratidão a todos vocês por essa jornada incrível que tive aqui na AJJA. Chegou o momento de seguir novos caminhos, mas antes de partir, não poderia deixar de compartilhar meu sincero agradecimento por tudo que aprendi e vivenciei ao longo desses anos.

A cada dia na instituição, fui agraciada com oportunidades de crescimento e aprendizado que moldaram não apenas minha carreira, mas também minha forma de enxergar o mundo profissional. Cada desafio que enfrentei e cada projeto no qual me envolvi foram fundamentais para meu desenvolvimento pessoal e profissional.

Em especial, gostaria de agradecer ao Sr. Luciano. Suas orientações foram essenciais para meu amadurecimento. Agradeço pelos ensinamentos que me proporcionaram uma visão mais ampla e me ajudaram a crescer tanto pessoal quanto profissionalmente.

À equipe, agradeço pela parceria e pela colaboração constante. Juntos, enfrentamos desafios e conquistamos vitórias significativas que sempre serão lembradas com carinho.

Gostaria também de deixar claro que estou à disposição para auxiliar no que for necessário, mesmo após minha saída. Caso haja necessidade de auxílio psicológico para os jovens da AJJA, estarei disponível para contribuir da melhor forma possível.

Levo comigo não apenas conhecimento técnico, mas também a certeza de que fiz parte de uma equipe incrível.

Desejo a todos muito sucesso em suas trajetórias profissionais e pessoais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress